Nasce em Barcelona a Escola de Navegaçom Autogestionada com obradoiros de Tripulante, Navegante e Mantemento.

ena1 Soubem por umha entrada do blogue da revista anarquista “Abordaxe” desta feliz concorrência de intereses promovido pola gente de “Recla-Mar” (Confraria de Navegantes Anarquistas, Coletivo Libertário do Mar) á que lhe dou pulo (além colo ao final as intençons das promotoras desta peculiar Confradia) :

O setor catalão da Confraria de Navegantes Anarquistas está orgulhoso em anunciar o nascimento da primeira escola de vela pirata, a ESCOLA DE NAVEGAÇOM AUTOGESTIONADA (ENA) de Barcelona.

Este lançamento responde à necessidade de compartilhar conhecimentos que tinham surgido durante as jornadas de apresentaçom da Confraria em dezembro de 2015 e está sendo realizado graças ao entusiasmo de um pequeno grupo de confrades, que se encontram um par de vezes ao mês no Dinamo DIY Espai.

Desde a primeira assembleia, nem curta nem preguiçosa, as companheiras do ENA já agitaram umha série de obradoiros, tanto teóricos como práticos, alguns dos quais começarám a ser realizadas (plano piloto) no final de fevereiro de 2016:

img_20160204_092616 OBRADOIRO de TRIPULANTE: umha iniciaçom á navegación, terminologia náutica basica, nós essenciais, elementos de seguridade a bordo… em fim, o ABC dos conhecementos necessários para ser um bo tripulante e nom ir perdido quando te subas a um barco. Umhas horas de teoria e um dia de práticas. Preço livre, possibilidade de troco. As participantes, umha vez terminado o obradoiro, poderám pedir a expediçom do título de “Grumete Anarquista”.

Ligaçom para baixar o contido detalhado do obradoiro (em castelám)

OBRADOIRO de NAVEGANTE: para profundizar, por modulos, as noçons teóricas esboçadas no obradorio de tripulante: exercícios de navegaçom com a carta náutica, meterologia, seguridade e radiocomunicaçons… Durante as práticas de governo da embarcaçom, insistira-se nas manobras de atraque e desatraque, o manejo das velas e os bos reflejos a ter no caso de home ao auga. Preço livre, pero com um mínimo ainda por definir em funçom dos gastos. As participantes, umha vez terminado o obradoiro, poderám pedir a expediçom do título de “Navegante Libertária”.

Ligaçom para baixar o contido detalhado do obradoiro (em castelám), pendente de subir-se á rede

img_20160204_0926371OBRADOIRO de MANTEMENTO: todos os pontos débeis dumha embarcaçom habitável, quais som as partes mais importantes que há que vigiar, e como. Pro e contra dos diferentes materiais de construçom dum casco. Esse obradoiro, que se desenvolve a bordo dum veleiro amarrado no porto, é imprescindível para todo aquel que queira vivir a bordo, fazer barco-stop, ou simplemente saber como funciona um barco na sua complexidade. Preço livre ou troco. As participantes, umha vez rematado o obradoiro, poderám pedir a expediçom do título de “Patrom D.I.Y.”.

Ligaçom para baixar o contido detalhado do obradoiro (em castelám)

………….

Para estar ao tanto sobre as assembleias do ENA e os obradoiros, seguir o foro de Recla-Mar, no apartado Kedadas y Eventos, no tema Escuela de Navegación Autogestionada de Barcelona, acá (ir até o fundo para ver as mensagens mais recéns…)

RECLA-MAR
estreno-h
Nômades do mar, corsários do século XXI, viajantes flutuantes,
vagabundos com estilo ou punks de cabotagem, aspirantes a piratas e
chispa anti-sistema: uni-vos! Nom importa se conduz um brigue ou umha
jangada auto-construída; um catamarã ou umha canoa, umha escuna ou um
barquinho de papel…

Porque o mar e os veleiros nom som apenas um luxo para os playboys e
privilegiados, ao contrário: os navegantes que melhor conheciam o mar
falavam claramente de sua rejeiçom a umha sociedade coercitiva e
consumista.

Porque a vida a bordo de um barco é umha interessante alternativa de vida nesta sociedade suicida.

Porque o prazer de içar velas e se aventurar sem pressa para novos
horizontes nom tem preço, e a vida do verdadeiro navegante é umha vida sem fronteiras, em harmonia com a natureza.

Muitos nós e nenhuma amarra, RECLA-MAR pretende reunir recursos e coordenar diferentes projetos “anarco-velejadores” para que cada vez mais gente tenha a oportunidade de se aproximar do maravilhoso mundo da vela.

Para que a nossa comunidade flutuante seja cada vez mais numerosa,
organizada e atrevida.

“NOM HÁ LIBERDADE SEM O MAR”, Proudhon

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s