5ª feira, joves, 5.- PALESTRA de Gabriel Pombo no CSA do Sar: “A Loita Anarquista Dentro e Fora das Prisións”

Por fim imos contar coa presência de Gabriel Pombo da Silva em Compostela e no CSA do SAR. Depois do falhido intento de traze-lo junto a sua compa Elisa di Bernardo numha Jornada Antiautoritária polo Guerra Social que ia ter lugar em sábado 10 de junho (quando fazia um ano da sua saida de prisom) e que tivo que ser suspensa porque a gente envolvida no despejo do CSOA Escárnio e Maldizer, sem ter para nada em conta dita moi interesante convocatória, nom tiveram milhor ocorrência que convocar para esse mesmo dia e horas (quando já estava convocada dita Jornada e como se no almanaque e no relojo nom houvera outros dias e horas) a sua fatal convocatória de manifa com destino final em comissaria ou nos julgados (bom o protesto rematou coa falhida toma do Peleteiro) e um bo feixe de multas.

E assim, no vindouro joves 5 de Outubro ás 20.00 horas, Gabriel Pombo da Silva estará com nós no CSA do SAR para falar sobre a nova ediçom ampliada (inclue umha série de escritos selecionados especialmente polo própio Gabriel) do seu livro “Diario e Ideario de un delincuente… y otros textos” numha palestra organizada de maneira conjunta por Mërda Distro & Castrexo Punx e o CSA do Sar.

Colo acá o publicado na rede sobre esta convocatória e animo desde acá a assistir á palestra deste compa anarquista que sofreu a repressom mais dura nas suas carnes durante várias décadas nos cárceres do Estado espanhol e da Alemanha:

Gabriel se passou case 30 anos da sua vida em prisom, 20 deles em cárceres espanholas, afrontando um amplo abano de castigos por nom dobregar-se ás exigências do Estado. Guerreiro infatigável dentro e fora dos muros, nunca abandonou a loita anarquista.

No seu passo por prissom escreveu este livro, que consta dumha série de pequenos ensaios que nos achegam ao seu pensamento insurreto. A primeira ediçom realizou-se tras um esforço coletivo de vários grupos que loitam contra as prisons, num exercício de ruptura dos muros que nos separan das nossas compas presas, tratando de sacar a sua voz ás ruas.

As cadeas som centros de extermínio, parches pra tentar tapar as falhas do sistema de dominaçom capitalista, para que vivamos no terror e nos sintamos incapaces de viver umha vida por nós mesmas, para nós mesmas.

Em junho de 2016 produz-se sua excarceraçom e, com ela, esta nova ediçom que contém ademais do antes mencionado, umha série de escritos selecionados especialmente polo própio Gabriel, que tentam achegar-nos novos debates em torno ao passado e ao devir anárquico.

Despois da palestra e da apresentaçom haverá Ceador Vegano onde poderemos seguir compartilhando ideias e sentires.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s