Sentência do Caso “La Manada”: Nom é uma aberraçom jurídica; assim é a Justiça democrática que temos

Quem segue mantendo este Sistema com seus votos, que saiba bem o que está permitindo e mantendo: Juízes, Militares e Forças Policiais nom vivirom nenhuma “transçom” á “memocracia”; nem sequer figeram um paripê de limpeza e os mesmos que estavam na elite de ambas estruturas do Poder sob o franquismo seguirom estándo-lo com a “merdocracia” (como mínimo 10 dos 16 juízes que tiveram praça titular no Tribunal de Orden Público franquista, o temível TOP, foram ascendidos e se passarom a ser magistrados do Tribunal Supremo ou da Audiencia Nacional; e os que nom o forom foi porque lhes chegou sua hora de jubilaçom ou de criar malvas nom porque fossem repressaliados por protofascistas, dado que todos o eram posto que juraram obediência ás leis franquistas, tal como tamém figera Juan Carlos I rei emérito); depois e agora som suas milhores alunas e alunos as que agora ditam estas sentências tam favoráveis para os intereses da doma e castraçom do povo e de anulaçom das suas faculdades para pensar e analisar a realidade circundante por se mesmas.

A sentência do caso de “La Manada” NOM É ALGO ÚNICO NEM INSÓLITO

Nem sequer o juíz que deu um voto discrepante é uma “rara avis” na judicatura; seu relato no que, ao seu parescer, uma moça de 18 anos desfrutava entanto era violada por 5 mastodontes (1 garda civil esperto em violência sexual e 1 militar, entre eles) e a chularia com que escreve tal nom é algo inusual.

Mesmo a própria disparatada sentência condenatória por “abusos sexuais” que admite que a moça nom deu seu consentimento pero que as múltiples penetraçons (sem preservativos) que recebeu arrinconada num curruncho nom constituirom intimidaçom nem violaçom tampouco é estranha, amossa o calibre das nossas autoridades á hora de julgar uns feitos menosprezando á vítima.

A povoaçom consciente e ainda nom do todo somatizada pola falsa democracia e seus mentideiros mediáticos veu, com claridade meridiana, o que lá sucedeu: uma violaçom premeditada com intimidaçom e moi violenta e por suposto nada pracenteira para a moça violada e ultrajada.

Tirar de termos jurídicos para argumentar que nom houvo intimidaçom nem violência é tomar-nos por imbéciles, sobre tudo quando estes 5 violadores, depois de saciar seus escrotos, deixaram tirada meio espida nesse mesmo curruncho a sua peça de caça noturna e como trofeio para presumir da sua façanha diante dos seus (suas amizades entusiastas de ser destinatários das imagens gravadas das suas caçadas itinerantes) roubaram-lhe seu telemóvel.

Uma moça mais, uma nova conquista dessas de usar e tirar, um novo éxito que sumar as vitórias de “La Manada” (quatro deles seguem pendentes de juízo por drogar uma moça e violenta-la estando grogue). Só assim pode entender-se que a deixaram abandonada á sua sorte; porque, em base ao que aponta o juiz discrepante que demanda a absoluçom dos caçadores noturnos, pergunto-me eu: se a moça desfrutou da orgia num ambente distendido de jolgório; como se come que a deixaram tirada coma um envase nom retornável no portal?? nom seria lógico que uma vez rematada a “desinibida relaçom sexual” marcharam juntas os 5 machos e a moça a segui-la festa, ou que quanto menos algum a acompanhara até o coche dos seus amigos? como entra nos miolos do juíz discrepante que em troques de suceder tal, deixaram a moça soinha e por riba lhe roubaram seu telemóvel??

Isto nom se vai resolver com remendos as leis, nem com penas de cárcere mais elevadas. Cicais seja tempo de que retornemos a tomar-nos a justiça pola mão e, em troques de fazer demandas de leis mais duras e mais penas de cárcere, fazer-nos insubmissas dos tribunais herdeiros do mais puro franquismo ideológico, patriarcal e machista.

Anúncios

Uma ideia sobre “Sentência do Caso “La Manada”: Nom é uma aberraçom jurídica; assim é a Justiça democrática que temos

  1. ultradicas

    Olá pessoal somos do blog ultradicas e gostamos muito de ver o conteúdo do seu blog. Vamos acompanhar mais vezes seu blog porque gostamos muito. Vamos assinar o feed
    abraços
    equipe ultradicas

    Curtir

    Resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s