COVID-19.- Mesma mortalidade que uma gripe x Kit Knightly

Recolho e traduz este artigo assinado por Kit Knightly na web Off-Guardian.org

Com cada novo estudo, tras cada novo artigo, a pandemia «mortal» é, bom, cada vez menos mortal. A revisom de dados mais recente, publicada no final de março, situa a taxa de mortalidade por infeçom ( IFR) num 0,15%. Isto é, uma vez mais, mais ou menos o mesmo que uma temporada de gripe normal.

O novo documento é obra do Dr. John Ioannidis (acá em inglês), a quem provavelmente recordem. Trata-se dum eminente epidemiólogo e estatístico que a primavera passada insistiu publicamente na necessidade de dispor de «bons dados».

Lembrade-vos da primavera passada? Nos ditosos dias nos que nem sequer se ouvira falar da «taxa de mortalidade por infeçom»? (Eu, sim. Digo-o com cariño).

A frase figera-se realmente famosa no ano passado, após que a Organizaçom Mundial da Saúde (OMS) anunciasse que a taxa de mortalidade por infeçom do novo e temível vírus era do 3,4%.

Isto nom é, em si mesmo, especialmente alto. Mas é sinificativamente mais alto que a maioria dos vírus do resfriado/gripe.

Ao mesmo tempo, alguém (ou vários) editara a página de Wikipedia sobre a gripe espanhola para mudar sua taxa de incidência e fazer que parecesse que o Covid era igual de perigoso. Quem fijo tal segue sendo um mistério, ainda que o por que se voltou bastante óbvio.

Naquele momento, muitas expertas (como as 12 que aparecem no nosso artigo Expertas contra o Pânico, de 18 de abril de 2020) predisseram que a IFR (taxa de letalidad entre as infetadas) real da «Covid» seria muitíssimo mais baixa que a estimativa da OMS, e que isto ficaria claro à medida que se recopilassem novos dados.

Dr. John Ioannidis foi um dos que mais se pronunciou sobre este ponto, aparece na nossa lista e tamém foi a primeira entrevista da série Perspectivas sobre a Pandemia. Em todo momento fijo questom da necessidade de ter a cabeça fria e dispor de bons dados. Seu primeiro estudo, realizado no passado mês de abril, determinou que a Taxa de Letalidade real de Covid19 era de 0,27%. Depois fez outro em outubro no que atopou que poderia ser ainda mais baixa, o 0,2%.

E agora, neste estudo mais recém assinala a taxa num 0,15%. Justo em linha com a gripe estacional (que, convenientemente, tem desaparecido da face do planeta).

Isso é uma reduçom de 95% da estimativa da OMS, em menos de um ano. Tamém está na mesma linha que a admissom (acidental) da OMS, realizada no passado mês de outubro, de que ao redor de 10% do mundo estivera provavelmente exposto ao vírus, o que supunha uma Taxa de Letalidade de aproximadamente o 0,14%.

E há que ter em conta a ridícula forma em que os governos nacionais registam suas chamadas «mortes Covid». Inclusive com as estatísticas oficiais de mortes, apesar de «sobreestimaçons substanciais», a IFR segue sendo baixa. Muito baixa.

Agora, imos acompanhar isto com todas as renúncias habituais: Sim, é possível que o vírus não se tenha isolado nunca e, portanto, ainda não se demonstrou sua existência. E sim, inclusive supondo que exista, não se demonstrou que cause a doença conhecida como « Covid19».

Mas, a cada vez mais, a distinçom entre «nom vírus» e «um vírus que não é perigoso» parece totalmente discutível, não si?

À medida que revela-se que a IFR real da Covid é mais baixa (e mais baixa… e mais baixa) que as estimativas originais, se acerca a cada vez mais ao risco básico de fundo de simplesmente estar vivo.

De todos modos, [espero que se capte a retranca do autor] não esqueças de pôr-te essa «vacina» experimental de terapia genética. Ainda não sabemos se som completamente seguras, porque os ensaios em longo prazo não terminarám até dentro de dois anos, e a tecnologia nunca se utilizou dantes em humanos, mas ainda assim… só tens um 99,85% de possibilidades de sobreviver sem ela.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s