Arquivo da categoria: Sin categoría

[Compos] “História da Pirataria na Galiza” no CSA do Sar; nesta 6ª feira, venres 27, desde as 20:00′

Viva!! Que milhor palestra que esta numha cidade do intérior para um apaixoado do mar coma mim? Vos colo a interesante proposta que publicaram numa rede social:

Qué sabes da pirataria na Galiza? Da de antes? Da de agora? Só es quem de imaginar-te um barco pirata de película?

Pois este venres 27 ás 20h na Casa do Peixe (CSA do Sar) tês a oportunidade de descobrir um feixe de histórias curiosas!

E para que nom marches com fame, depois haverá ceador. E coma sempre, birras artesás para começa-la festa! Continuar lendo

Anúncios

Trabalhadora de “El Correo Gallego” solicita ajuda de STOP Desafiuzamentos

O operário vítima dos atrassos no cobro das suas nóminas por parte da empresa proprietária deste jornal, Editorial Compostela, vem de receber umha demanda de desafiuzamento por impago das quotas hipotecárias da sua vivenda habitual. Teme ser despejado junto á sua família dado que o banco nom quer negociar a refinanciaçom da sua dívida nem alongar o seu prazo de amortizaçom aduzindo que nom há visos de recuperaçom económica da sua situaçom laboral dado que tudo aponta a umha pronta desapariçom desta empresa tras ser declarada legalmente em quebra por causa dos milhons que endivida a Abanca e isso pese a completar com éxito a operaçom bursatil para reduzir en mais da metade o valor da empresa.
Continuar lendo

Feliz solstício e meus milhores desejos para aninovo!! “Hallelujah”!!

Deito a âncora entre as redes por uns días, a que retornarei com o ano 2017, mas quero que fique na minha ausência este tema de Leonard Cohen (e coa letra em português) e Feliz solstício (tanto se tendes vrão como inverno) e os meus milhores desejos para aninovo!! “Hallelujah”!! para todas: Aleluia(*)

Eu ouvi dizer que havia um acorde secreto
Que Davi tocava e agradava ao Senhor
Mas você não liga muito para música, não é?
É assim: a quarta, a quinta
A menor cai e a maior ascende
O rei confuso compondo Aleluia

Aleluia, aleluia
Aleluia, aleluia
Continuar lendo

Umha verdade incómoda: “A tua casa nom fica tam longe do mar”

Recolho da web A Nosa Costa (a comunicaçom na costa da morte) este artigo assinado por Xosé Manuel Barros, cofundador da Associaçom Mar de Fábula:

CAMPAÑA BASTONCILLOS NO Por um conceito antigo, por um costume atávico, pensamos que o mar é um saco sem fundo, que pode com tudo. O mar é o Panhol Grande para os marinheiros do Gram Sol, o mar é o pátio de atrás ou o pátio do vizinho para a gente de terra.

Em apariência, estám a mudar as coisas quando assistimos ás declaraçons dos principais organismos a nível mundial expressando a sua preocupaçom polo câmbio climático, pola perda de biodiversidade, pola acidificaçom dos océanos ou pola contaminaçom dos plásticos no mar. O último gram show tem sido a Conferência do Clima de Paris, em dezembro de 2015. Dirigentes de 195 paises estamparom suas sinaturas para reduzir as emisons de CO2 á atmósfera, para reduzir o quentamento global, para evitar que no ano 2050 nos chegue a água do mar ao pescoço.
Continuar lendo

O acordo da UE-Turquia e o destino dos refugiados da Síria

Cópio e colo de Curdistam.blogaliza:

No dia em que Davutoglu, primeiro-ministro da Turquia, reunia-se com os líderes da UE numha cimeira UE-Turquia para rematar o assunto dos refugiados, o presidente Erdoğan contava-lhe aos seus partidários:. “Nós já gastamos 10 bilhons $ US em três milhons de pessoas. Eles prometeram-nos dar três mil milhons de euros; quatro meses passarom desde entom e eu espero que o primeiro-ministro regresse com esse dinheiro, os três mil milhons de euros.”

No entanto, quando Davutoglu foi a Bruxelas, chegou armado com todo umha nova série de demandas, levando grande parte da Europa umha surpresa.

Em cima dos três mil milhons de euros já prometidos, exigiu mais três bilhons, dobrando o valor inicial acordado. Davutoglu também exigiu mais pressa para negociar a adesom da Turquia à UE, bem como um abrandamento imediato do regime de visas da UE para os turcos – algo que tinha sido anteriormente proposto.
Continuar lendo